2.2  GARRA e FALO ETÉREO



GARRA 

Garra é um dos projectos de Rui Valério e tal como o projecto Falo Etéreo parte duma mesma premissa de produzir canções pop, neste caso num sentido lato cantadas em Português. O projecto GARRA foi criado posteriormente a Falo Etéreo e surgiu da necessidade de marcar uma diferença de atitude em relação à produção de música cantada em Português, distanciando-se do projecto que já existia também cantado em português mas dedicado exclusivamente a um registo Hip Hop sempre com uma atitude mais descomprometida e menos cuidada.
Garra é um projecto mais cuidado, refinado, heterogéneo, em que cada disco pode assumir uma diferente forma de exploração da ideia geral de criar canções cantadas em português.
O projecto tem contado com colaborações ocasionais, como sejam de Joana Galveias na escrita conjunta de algumas letras de músicas do primeiro album e Inês Ramalho que vocalizou conjuntmente comigo alguns temas em dois dos albuns, em temas com um registo mais Hip Hop.
Até ao momento o projecto apenas existe em streaming via Bandcamp não havendo a produção física de qualquer disco ou merchandising.



Luzes De Neon
(Junho 2021)
Luzes De Neon pode-se afirmar como um album conceptual na medida que é um disco de longa duração com apenas uma canção.
Na verdade são 8 abordagens diferentes da mesma letra com componente instrumental diferente em cada uma das 8 versões da música.
É um disco cuidado e singular. Consegue não ser monótono apesar de serem 8 versões diferente de uma mesma canção ou antes 8 canções diferentes com a mesma letra.
O disco apenas foi tornado público em Junho de de 2021 mas na verdade ele foi terminado alguns meses antes, não tendo sido logo editado para ter algum distanciamento auto-crítico em relação ao próprio disco.
Portanto em termos editoriais o disco surge depois de “Hip Pop” mas na verdade ele é bastante anterior a esse disco.








A Minha Mão Em Garra Que Sem Querer Te Arranha (Março de 2020)
Primeiro disco de longa duração dos GARRA, com a participação de Joana Galveias na escrita de algumas letras a meias e tudo o resto feito por Rui Valério. Garra surgiu depois de Falo Etéreo e partia da premissa de fazer canções cantadas em português num registo sonoro de música Pop num sentido bastante lato e aberto a experiências diferentes - podendo incluir abordagens mais convencionais ou mais experimentalistas tanto em termos sonoros, como em termos temáticos. O primeiro disco tem canções com registos bem diversificados, talvez seja mesmo, de todos até à data, o disco mais heterogéneo a todos os níveis.









Hip Pop (Junho 2021) Apesar de ser assinado com o projecto Garra este disco explora um registo de Hip Hop tal como seria usual e de esperar se fosse assinado por Falo Etéreo.
No entanto é um disco mais cuidado e que não é encarado com a leviendade típica de Falo Etéro e sendo assim fazia mais sentido ser assumido como um disco de Garra.
As temáticas das canções são muito diversificadas e tanto em terms instrumentais como vocais é um pouco mais refinado e consistente.








Cheguei A Pensar Que Se Ia Fazer Luz Mas De Repente Ficou Tudo Ainda Mais Escuro (Maio 2020)
Segundo disco de longa duração dos Garra, desta vez com a participação nas vocalizações, em 3 dos temas de Inês Ramalho.








FALO ETÉREO Este é, dos meus projectos, o que encaro de forma mais ligeira, quase ‘na brincadeira’ e que utilizo unicamente para produção de música Hip Hop.
O primeiro disco de longa duração foi retirado da discografia - ou seja não se encontra público - porque achei que não tinha intersse suficiente para estar sequer disponível na página.
Ainda assim o disco “Coração Maravilhoso” tem um pressuposto conceptual curioso - as músicas usam samplers de músicas cantadas em língua Portuguesa muitas vezes de gosto bastante discutível e esses samplers acabam por definir o refrão da canção e toda a temática da letra.
Nesse disco tenho samplers que vão desde Marco Paulo e Clemente até João Gilberto ou Zeca Afonso.
Dada a ‘obscuridade’ do projecto o uso dos samplers não é obviamente autorizado.
Falo Etéreo foi o meu primeiro projecto em português. Desde que comecei a editar sob o nome de Garra este projecto ficou um pouco abandonado até porque já editei um disco de Hip Hop sob o nome de Garra.
















TONE SCIENTISTS

Tone Scientists ‎– One Listens
Label:Pataca Discos
– PD-DA 00311-SDA
Series:Série Discos De Artista
–Format:Vinyl, 10"
Country:Portugal
Released:2012
Genre:ElectronicStyle:Drone, Illbient




Tracklist
AInner Sound
BOutter Sound





/NEXT︎︎︎


 GO TO RUI VALÉRIO’S WEB SITE HOMEPAGE ︎  

OR IF YOU RATHER TALK TO HIM THAN TRY ONE OF THESE:

rruuiivvaalleerriioo@gmail.com
 
+351 96 621 77 94


︎